Quem sou eu

Trabalhamos com filmagens de documentários e curtas, além de apresentações de teatro, Oficinas de dança e expressão corporal, criação literária e arte-educação.

Milka Plaza

Milka Plaza

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Feliz Natal

Sabem? Este Natal foi diferente para mim.
Fiz uma análise dos natais desde a minha infância. Graças a Deus sempre acompanhada pelas pessoas da minha família. Mas, o que significa tudo isso? É apenas propaganda? Lógico que tirando fora os abraços, a alegria e a troca de presentes, o que fica? Senti por um momento um vazio tão grande. Estou velha pensei.
Quando criança esperava pelo papai noel e sempre me mandavam deitar cedo até que um dia desobedecí e peguei meu pai colocando brinquedos na nossa árvore. Bom. Ele continua sendo nosso papai noel oficial. Só que agente vai crescendo e vendo no mundo tanta violência, injustiça, fome, miséria, dá vontade de ser rica e sair distribuíndo não só no natal tanta coisa e principalmente amor, afeto, amizade verdadeira. Porque as pessoas são tão falsas? Porque quando você acha que encontrou amigos se decepciona? Este Natal me fez pensar nisso. Ainda não tenho coragem para me engajar nas missões. Esquecer todo este mundo de materialismo em que nos vemos envolvidos e seduzidos. Sei que há tanto para ser feito e tentarei em 2010 fazer a diferença. Ajudar a tornar nosso mundo mais limpo e mais feliz. Em 2009 ajudei a plantar sementes. As de 2008 já deram frutos. Algumas. Espero montar um jardim com todas as sementes. Sei que morrerei sem ver os frutos de algumas. Tudo isso está nas obras que realizamos e é isso o que dá sentido à vida. Ainda me agarro a um fio que às vezes teima em se cortar. Esse fio se chama esperança num mundo melhor e sem violência, sem egoísmos nem falcatruas. Deixo 2009 com machucados e vitórias, novos cabelos brancos, que não penso tingir, novas marcas de expressão que lembram as alegrias e tristezas. Feridas que parecem mordidas na alma, que superei, graças a Deus.
O Natal do menino Jesus sempre me faz refletir. Cheguei à conclusão de que toda esta festa não passa de um motivo para a gente se encontrar com amigos e familiares, repartindo sorrisos e amizade.
Feliz Natal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário