Quem sou eu

Trabalhamos com filmagens de documentários e curtas, além de apresentações de teatro, Oficinas de dança e expressão corporal, criação literária e arte-educação.

Milka Plaza

Milka Plaza

domingo, 11 de outubro de 2015

Pensamentos

Curvas da vida

perigosas ou não
setas que apontam
o meu caminhar.
Sinais marcados
que traçam um rumo
um pulo
que amorteça
erros
acertos
no andar
reto
das
vias entrecortadas
deste trajeto

---------------------------

Dez

pontas,
linhas,
dentes,
madeira
amarela
linhas
marcam
teu corpo
ganinapapo
tatuagem
que queima

----------------------------------

Colagens

Imagens coladas
coloridas
relaxe
uma edição
limitada
garanta o futuro
você está
sozinho.
De braços
cruzados
inúmeras pessoas
emergem.
Espelho
que reluz
suave vôo
em cada
amanhecer.
Evoco a música
que vem do alto
das nostas
na memória.
Fantasmas
da noite
a lembrar
num sussurro
sideral
a vida
é feita de recortes
e medida
com ferros
e engrenagens.
--------------------------------

Notas incertas

Treze graves e agudos
que apontam como setas
sons que brincam
como o vento
nas curvas
a se levar
anteparo branco
como filtros
de cigarros
de vários tamanhos.
Sons verdadeiros
ruído desordenado
confuso
como a chuva
de pensamento
a inundar
como torrente
chuvosa
a cair
na noite escura
ou clara
do sendeiro
que vai e vem
todo dia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário